quarta-feira, 25 de abril de 2018

Crónica: Académica 1 – FC Porto B 0


Na tarde desta quarta o FC Porto deslocou-se ao terreno da Académica, em jogo a contar para a 33ª jornada da II Liga. No final do encontro verificou-se a derrota dos Dragões por 1-0.
Para este jogo António Folha apostou num onze composto por: Mouhamed Mbaye, Musa Yahaya, Alan Bidi, Rui Pires, Oleg Reabciuk, Luizão, Rui Moreira, Bruno Costa, Chikhaoui, Madi Queta e Tony Djim.
O FC Porto B conseguiu causar dificuldades ao ataque dos estudantes e, assim, manteve-se o nulo no marcador até quase ao final do encontro. No entanto, ao minuto 98, a Académica conseguiu chegar ao golo e arrecadar os 3 pontos.
Com este resultado o FC Porto B soma 52 pontos e ocupa a 8ª posição da tabela classificativa da II Liga.


terça-feira, 24 de abril de 2018

Resultados da Semana Azul e Branca


Futebol:
Equipa principal – Na quarta o FC Porto deslocou-se ao terreno do Sporting, em jogo a contar para a 2ª mão da meia final da Taça de Portugal. No final do encontro verificou-se a derrota dos Dragões por 1-0, 5-4 nas grandes penalidades.
Na segunda os portistas receberam o Vitória de Setúbal, em jogo a contar para a 31ª jornada da Liga. No final do encontro verificou-se a vitória dos Dragões por 5-1, com os golos portistas a serem apontados por Marega, Marcano, Brahimi, Corona e Alex Telles.
Juniores A – Na sexta os sub19 defrontaram o Chelsea, em jogo a contar para a meia final da UEFA Youht League. No final do encontro verificou-se um empate a 2, com os golos portistas a serem apontados por Diogo Queirós e João Mário, mas nas grandes penalidades verificou-se a derrota dos Dragões por 5-4.
Juniores B – No sábado os sub17 deslocaram-se ao terreno do Vitória de Guimarães, em jogo a contar para a 3ª jornada da fase final do campeonato nacional de juniores B. No final do encontro verificou-se a vitória dos Dragões por 1-3, com os golos portistas a serem apontados por Fábio Silva, Cláudio Major e Moisés Conceição.
Juniores C – no sábado os sub15 receberam a AA Santarém, em jogo a contar para a 4ª jornada da fase final do campeonato nacional de juniores C. No final do encontro verificou-se a vitória dos Dragões por 4-0, com golos de Martim Tavares (2), Veríssimo Amaro e Lucas Cândido.

Andebol:
No sábado o FC Porto recebeu o Sporting, em jogo a contar para a 5ª jornada da segunda fase do campeonato nacional. No final do encontro verificou-se a derrota dos Dragões por 27-30.

Hóquei:
No sábado o FC Porto recebeu o Óquei de Barcelos, em jogo a contar para a 21ª jornada do campeonato nacional. No final do encontro verificou-se a vitória dos Dragões por 7-4.

Basquetebol:
No domingo o FC Porto recebeu o Benfica, em jogo a contar para a 7ª jornada da segunda fase da liga portuguesa de basquetebol. No final do encontro verificou-se a vitória dos Dragões por 98-85.


segunda-feira, 23 de abril de 2018

Crónica e Análise: FC Porto 5 – Vitória de Setúbal 1


1 – Crónica

No início de noite desta segunda o FC Porto recebeu o Vitória de Setúbal, em jogo a contar para a 31ª jornada da Liga. No final do encontro verificou-se a vitória dos Dragões por 5-1.
Para este jogo Sérgio Conceição apostou num onze composto por Casillas; Ricardo Pereira, Filipe, Marcano e Alex Telles; Herrera, Sérgio Oliveira e Brahimi; Corona, Soares e Marega.
O FC Porto entrou forte em jogo, colocando-se em vantagem ao minuto 6, por intermédio de Marega. Pouco depois, minuto 12, Marcano duplicou a vantagem portista. E a fechar um primeiro quarto de hora de preção intensa, ao minuto 16, Brahimi, colocou os portistas com 3 golos de vantagem no marcador. Completamente esmagados, os sadinos tentaram sacudir a pressão e,  ao minuto 24, na primeira vez que fizeram um remate à baliza à guarda de Casillas, reduziram a desvantagem. Pouco antes do intervalo, minuto 35, Corona fez o quarto golo.
No segundo tempo e com uma vantagem confortável, o FC Porto dedicou-se a gerir o esforço, o ritmo de jogo e o resultado. Ao minuto 72, Alex Telles, na conversão de um livre, fixou o resultado final nos 5-1.
Com esta vitória o FC Porto volta a colocar-se no primeiro lugar, com 79 pontos, mais dois que o segundo classificado, o Benfica.

2 – Análise

Depois de um jogo difícil e desgastante no meio da semana para a Taça de Portugal, era hora de voltar ao Dragão e ao campeonato. Este jogo era uma das 4 finais que os portistas tinham para jogar - ficam agora a faltar 3 – e onde ganhar era imperativo, uma vez que o FC Porto entrou em campo sabendo que era obrigatório vencer o jogo, para voltar à liderança do campeonato. E os Dragões começaram cedo a construir uma vantagem confortável que permitiu gerir o esforço de todos. Foi um jogo interessante, com uma entrada forte dos portistas, uma entrada capaz de derrubar qualquer muralha defensiva, qualquer estratégia do adversário. Foram 4 golos no primeiro tempo, os suficientes para garantir uma vantagem segura e fazer uma segunda parte tranquila. Destaco os marcadores dos golos: Marega – que os problemas físicos apresentados pelo maliano não sejam nada de anormal, tal como disse o treinador – Marcano, Brahimi, Corona e Alex Telles. De destacar, também, o minuto 36, o minuto da homenagem ao Presidente Pinto da Costa, que comemora hoje o seu 36º aniversário desde que iniciou a sua caminhada na liderança do FC Porto. A vitória foi, por isso, justamente dedicada ao SR. Presidente.
Em suma, o FC Porto fez o que tinha a fazer, venceu uma das finais que tinha pela frente e recolocou-se no seu lugar. Faltam 3 jogos, 3 finais para ganhar e agarrar o objetivo, porque #EuQueroOPortoCampeão são 3 jogos em que, seguramente, o #MarAzul vai lá estar! Vamos Porto!